PUBLICIDADE
NA CALADA

Vice-prefeito de Ribeirão Cascalheira renuncia ao cargo com apenas seis meses de mandato

Antônio Moraes Pinto alega que na nova função ele poderá contribuir ainda mais com o crescimento do município.

06/11/2019 10h21 | Atualizada em 30/11/-0001 00h00

Vice-prefeito de Ribeirão Cascalheira renuncia ao cargo com apenas seis meses de mandato

Reprodução

O mandato do vice-prefeito Antônio Moraes Pinto, foi confiado pela população de Ribeirão Cascalheira através das urnas em eleições suplementares ocorrida no dia 08 de abril 2019, por decisão do TSE. Na ocasião foi eleita a então ex-presidente da Câmara, a prefeita interina Luzia Brandão ao cargo de prefeita, Luzia tinha como vice, o advogado popularmente conhecido como Dr. Antônio.

No papel documento endereçado ao presidente do legislativo Luciano Santos Costa, o Ex-vice-prefeito alegou que tal decisão prende-se ao fato dele estar assumindo um novo cargo mais “promissor” no executivo na função de Advogado Assessor Geral do Município, em suas entrelinhas o jurista afirma que o exercício de vice-prefeito estava gerando impedimento e incompatibilidade para exercer suas atividades profissionais particular na advocacia.

Antônio Moraes Pinto alega que na nova função ele poderá contribuir ainda mais com o crescimento do município pelo fato de poder agir diretamente na execução do plano de governo prometido pela então dupla Luzia e Dr. Antônio durante a campanha eleitoral no município. Luzia e Antônio derrotaram o ex-candidato a prefeito Wiser que tinha como vice-prefeito o atual vereador, Nego Schineider.

Carta Renuncia endereçada ao presidente do legislativo

Aparentemente obcecado pelo novo cargo, o vice-prefeito chegou a afirmar na carta que sua renuncia não estaria desmerecendo os votos de confiança depositado nas urnas pela sua população.

Por telefone o presidente do legislativo afirmou a nossa redação que o projeto é de autoria do executivo e que no novo cargo, o ex-vice-prefeito ira trabalhar apenas 20 horas semanal e recebera o valor de R$ 13.500,00 Reais por mês, enquanto que o salario liquido do vice-prefeito gira em torno de apenas R$ 8 mil reais. Segundo Luciano o projeto foi aprovado por seis votos a favor e um voto contra.

De acordo boatos de bastidores a “bocas miúdas” e que acabou sendo confirmado pelo ex-secretário de obras do município na gestão de Luzia Brandão, Elizeu Souza Parga, o vice-prefeito pode ter renunciou ao cargo após um acordo politico prévio feito com a prefeita durante a campanha no intuito de beneficiar o companheiro, outros já apostam que a prefeita articulou para ficar livre de ingerência na pasta do executivo. Luzia Brandão e Antônio de Morais Pinto Júnior foram eleitos com 2.274 votos, contra 1988 obtidos pelos seus adversários  Wiser e Nego Schineider.

OUTRO LADO

Nossa reportagem entrou em contado via telefone com o ex-vice prefeito Antônio Moraes através do seu telefone celular (66) 9994 03**) para ele comentar sobre sua renuncia, mas o mesmo não atendeu nossas ligações. Voltamos a insistir via aplicativo whatsapp pelo qual direcionamos 7 perguntas básicas ao ex-vice-prefeito, o mesmo visualizou nossas mensagens mas não respondeu a nossa reportagem. (PERGUNTAS ABAIXO):

FONTE: o Repórter do Araguaia

Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE