PUBLICIDADE Supermercado Vendão
PROJETO DE LEI

Prefeito de Água Boa veta integralmente o Projeto Legislativo da Verba Indenizatória

A seção foi tumultuada chegando a ser encerrada antes de ser votada todas as matérias.

22/12/2017 11h28 | Atualizada em 22/12/2017 11h30 1 comentario

Prefeito de Água Boa veta integralmente o Projeto Legislativo da Verba Indenizatória

Reprodução

O prefeito de Água Boa, Mauro Rosa da Silva (PSD), vetou o polêmico Projeto de Lei Legislativo nº 10/2017 que instituía a Verba Indenizatória de R$ 2.000,00 para o exercício da função de vereador.

O projeto foi aprovado dia 18 de dezembro por 7x3 com os votos favoráveis dos vereadores autores: Adelar Fusinato (DEM), Sandro Lúcio Aleixo (PP), Fernando Quintanilha (PRB), Renato Beraldo (PSD), Leonardo leite Ribeiro (PMDB), Joaquim dos Anjos Ferreira da Paixão (PMDB) e Marilene Teresinha Estefano (PMDB).

Os votos contrários foram dos vereadores: Alan Apio (PR), Luis Cesar de Lara Pinto Filho (PR) e Jonathan Silveira (PR). O presidente da câmara José Arí Zandoná (DEM) só votaria em caso de empate.

A seção foi tumultuada chegando a ser encerrada antes de ser votada todas as matérias e da palavra livre devido a revolta de mais 200 pessoas presentes.
 
O projeto será votado na próxima seção após o recesso e os vereadores poderão derrubar o veto, mas precisa de 08 votos.

FONTE: AguaBoaNews

1 COMENTÁRIO

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

  1. ESSES VEREADORES COM CERTAZA NAÕ MERECEM NEM O SALÁRIOS QUE JÁ RECEBEM. PARABÉNS PREFEITO.

Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE