PUBLICIDADE
FAKE NEWS

Casal desmente boatos sobre infecção por coronavírus em Vila Rica

B.O. foi registrado na PM, a fim de que os responsáveis pelos comentários inverídicos sejam identificados e responsabilizados.

Rafael Trindade

Acesse o Blog

15/05/2020 19h30 | Atualizada em 15/05/2020 19h55 2 comentarios

Casal desmente boatos sobre infecção por coronavírus em Vila Rica

Ilustrativa

Um casal de Vila Rica passou por uma situação constrangedora nesta sexta-feira (15/05). Ele foi vítima de Fake News “notícia falsa” de que estaria infectado pela Covid-19, o novo coronavírus.

O policial miliar Manoel da Cruz e a veterinária Angela Amaral foram surpreendidos com a informação de que fotos pessoais do casal estavam sendo divulgadas em grupos de WhatsApp com comentários afirmando que ambos teriam sido infectados pelo vírus.

Preocupados com a situação, Manoel e Angela registraram Boletim de Ocorrência na Polícia Militar de Vila Rica, a fim de que os responsáveis pelos comentários inverídicos sejam identificados e responsabilizados.

Em conversa com a reportagem do site www.eldorado.fm, o policial militar disse que ficou surpreso ao ter conhecimento do fato. “Nós não tivemos nem sintomas que poderiam levantar suspeita de infecção pelo coronavírus, estamos bem e se caso tivéssemos a confirmação de que estávamos infectados, não seriamos irresponsáveis ao ponto de não cumprir os protocolos dos órgãos de saúde”, destacou Manoel.

O Policial disse que além do constrangimento pessoal, outra preocupação é com a repercussão negativa que a notícia falsa pode gerar para o trabalho de sua esposa, profissional autônoma, na área de medicina veterinária.

Lei pune produtores e divulgadores de “fake news” em MT

Em Mato Grosso, passou a vigorar uma lei que prevê multa para quem produzir ou divulgar, por meio eletrônico ou similar, fake news - notícias falsas - sobre epidemias, endemias e pandemias.

A Lei 11.128/2020, de autoria do deputado estadual Valdir Barranco (PT), foi publicada no Diário Oficial do Estado (DOE), de quinta-feira (14). A multa varia de 20 a 200 Unidade Padrão Fiscal (UPFs) e pode ultrapassar R$ 30 mil.

2 COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

  1. Uai e se eles tivesse que direito tem o povo de sair falando besteira na internet, expondo a vida dos outros. Falta de respeito agora segura

  2. Muito triste, isso e sempre bom pesquisar antes de sair falando. Eu conheço esse policial mora perto da minha casa, ele e muito gente boa, mais ele e meio doído, acho que ele vai até o fim nisso ai e bom que esse povo fecha a boca.

Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE