PUBLICIDADE
POLÍCIA

Foragido por estupro de vulnerável no Distrito Federal é preso no interior de MT

O procurado foragiu do após tomar conhecimento das acusações e desde então, estava em paradeiro incerto.

20/12/2019 09h45 | Atualizada em 20/12/2019 09h59 1 comentario

 Foragido por estupro de vulnerável no Distrito Federal é preso no interior de MT

Reprodução

A Polícia Judiciária Civil, por meio da Delegacia Regional de Confresa (1.160 km a Nordeste de Cuiabá), com apoio dos investigadores da Delegacia de Porto Alegre do Norte (1.125 km a Nordeste) cumpriu o mandado de prisão preventiva, Jorge Rodrigues Porto, 47, pelo crime de estupro de vulnerável.

Considerado foragido da justiça, o suspeito estava com a ordem de prisão decretada pelo Juizado de Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher – Recanto das Emas, acusado de estuprar a própria enteada. O procurado foragiu do após tomar conhecimento das acusações e desde então, estava em paradeiro incerto.

A prisão do procurado aconteceu após a Polícia Civil de Mato Grosso obter informações da Polícia Civil do Distrito Federal, através da Delegacia de Proteção à Criança e Adolescente (DPCA) de que o investigado estava na cidade de Porto Alegre do Norte.

Com base nas informações, os policiais coordenados pelo delegado regional, Marcos Aurélio Dias Leão, empreenderam diversas diligências, por vários dias consecutivos, com vigilâncias e levantamento de campo, até a realização da prisão do procurado.

Após as formalidades de praxe, presididas pelo delegado, Allan Vitor de Sousa Mata, o preso será encaminhado à Cadeia Pública de Porto Alegre do Norte, e posteriormente recambiado para o Distrito Federal, onde ficará a disposição da justiça.

FONTE: Assessoria | PJC-MT

1 COMENTÁRIO

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

  1. quero saber quando que vila rica vai requerer a sua sede regional de policia civil em seu proprio municipio ,que de nada adianta ter a sede regional e se encontrar em outra cidade.

Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE