PUBLICIDADE Supermercado Vendão
MENOR DE 11 ANOS

Polícia investiga mulher por abusar sexualmente da filha

A vítima estava de férias na casa da mãe, em uma chácara na Região norte.

08/08/2019 08h39 | Atualizada em 08/08/2019 09h22

Polícia investiga mulher por abusar sexualmente da filha

Marcus Vaillant

Mulher de 29 anos está sendo acusada de abusar sexualmente da filha, uma menina de 11 anos. A Polícia Civil de Alta Floresta (803 km ao Norte de Cuiabá) foi comunicada por meio do Conselho Tutelar e agora investiga o fato.

De acordo com as informações, a avó paterna, que detém a guarda da criança, foi quem procurou o Conselho Tutelar para fazer a denúncia. 

A vítima estava de férias na casa da mãe, em uma chácara na Região norte. 

A menina contou que durante esse período, foi agredida várias vezes e que, dias após a agressão, a mãe passou a fazer carícias em sua genitália. 

Outro fato narrado pela menor é de que a mãe tentou, de forma forçada, introduzir um absorvente interno, causando dores e desconforto. 

Disse ainda que passou a gritar diante do ato. Assustado, o marido da mulher foi até o quarto e a suspeita teria saído do local.

Exames

Após se queixar de dores, a avó da menina percebeu que ela estava com a genitália inchada. 

Foi solicitado um exame de corpo e delito para comprar se houve ou não a violação sexual da menina. 

Polícia Civil está investigando o crime. O exame deve ficar pronto nos próximos dias. 

Mãe não tem a guarda

Conforme o Conselho Tutelar, a avó paterna está com a guarda provisória da menina.

Não foi explicado o motivo que levou a avó entrar com o pedido na Justiça.

Sabe-se que o filho dela, pai da menina, já faleceu.

Em um levantamento prévio, o conselho não encontrou nenhum registro criminal no nome da suspeita.

A menina já está com a avó no município de Nova Monte Verde, onde residem.

FONTE: Gazeta Digital/Yuri Ramires

Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE