Policia

Ação da Polícia Federal apreende 77 kg de ouro com suspeita de origem em garimpos ilegais de Mato Grosso e Pará

Segundo informações da PF, o ouro estava sendo transportado por seis brasileiros, em um avião turboélice particular.

05/05/2022 12h41 | Atualizada em 05/05/2022 15h58

A Polícia Federal apreendeu nesta quarta-feira (4) cerca de 77 Kg de ouro em barras, a ação ocorreu no Aeroporto Estadual de Sorocaba (SP). Segundo as investigações iniciais, o metal precioso veio de Mato Grosso e do Pará. O valor da apreensão soma cerca de R$ 23 milhões.

Segundo informações da PF, o ouro estava sendo transportado por seis brasileiros, em um avião turboélice particular. Ao chegarem no aeroporto em São Paulo, o ouro foi colocado em dois veículos e seguiu pela Rodovia Castelo Branco, sentido Capital.

Agentes da polícia federal, que já estavam monitorando o voo, acionaram a Polícia Rodoviária Federal e a Polícia Militar Rodoviária, que abordaram os dois veículos. Dentro dos carros foram encontradas três malas contendo as barras de ouro, cujo peso total aproximado somou 77 kg.

Também foi encontrada ainda uma quarta mala com documentos diversos, que também foi apreendida. Nesses documentos, que serão posteriormente analisados, teria a confirmação que o ouro apreendido seria oriundo de garimpos ilegais de Mato Grosso e do Pará. O metal foi encaminhado para realização de perícia em laboratório específico da PF.

Os seis suspeitos foram conduzidos à delegacia da PF em Sorocaba, onde foi instaurado inquérito policial para apurar a possível prática dos crimes de usurpação de bens da União e receptação dolosa.

O avião também foi apreendido. Ele é objeto de sequestro criminal em outro inquérito policial. As circunstâncias da utilização proibida da aeronave serão apuradas pela Policia Federal.

FONTE: Eldorado FM com G1

PUBLICIDADE