PUBLICIDADE
Policia

Homem mata a esposa em Nova Xavantina e afirma que cometeu crime por ciúmes

O criminoso procurou a polícia dizendo que tinha matado sua esposa, e que esperava os policias para mais informações em sua casa.

30/11/2020 08h37 | Atualizada em 01/12/2020 13h31

No ultimo sábado (29), Ernando Oliveira da Silva, 31 anos, foi preso após confessar ter assassinado a companheira, Gabrielly da Silva Coelho Oliveira, 21 anos, após suspeitar que estava sendo traído.

Ele foi preso em sua residência no bairro Tonetto na cidade de Nova Xavantina, Mato Grosso. Ernando, procurou a polícia dizendo que tinha matado sua esposa, e que esperava os policias para mais informações em sua casa.

O crime aconteceu na casa do casal durante um churrasco em família. Ernando disse ter tomado decisão depois de ver sua esposa Gabrielly trocando mensagem com alguém no celular, de imediato ele pediu o telefone e ela entregou, desconfiado pediu o celular novamente e ela negou, quebrando o aparelho no chão.

O homem esfaqueou a mulher com três (3) golpes na altura do tórax, usando um canivete. Na casa da família onde o crime aconteceu, Ernando entregou a polícia uma carabina de pressão adaptada para calibre 22 que não foi utilizado no crime.

Ernando pode responder por feminicídio e a pena pode aumentar em até 50% porque o crime foi cometido na frente dos filhos. Feminicídio – crime contra gênero tem pena prevista de até 30 anos de prisão.

FONTE: Radio Eldorado FM 87,9 com CNX

Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE