PUBLICIDADE
ALERTA

Força-Tarefa é montada em Santa Terezinha após tentativa de suicídio

A decisão foi tomada após reunião com o prefeito da cidade.

22/04/2017 09h43 | Atualizada em 30/11/-0001 00h00

Força-Tarefa é montada em Santa Terezinha após tentativa de suicídio

Reproduçao

Preocupados com os casos suspeitos de crianças e adolescentes estarem particpando do desafio do “Jogo da Baleia Azul” em Santa Terezinha (1.312 km a Nordeste de Cuiabá), policiais militares e civis criaram uma equipe multidisciplinar para dar atendimentos a jovens e adolescentes da cidade.

A decisão foi tomada após reunião com o prefeito da cidade, Euclesio José Ferretto, na noite desta quinta-feira (20).

A equipe será composta por médicos, enfermeiros, psicólogos, assistentes sociais e membros do Conselho Tutelar.

A medida foi tomada após uma garota de 22 anos - moradora da cidade -, tentar cometer suicídio, por estar participando do desafio, na manhã de ontem.

Segundo a Polícia Militar, também foi formada uma equipe que ficará responsável por ministrar palestras para a população de Santa Terezinha, a respeito do risco dos jogos.

“Desafio da Baleia Azul”

Aparentemente, o “Desafio da Baleia Azul” começou na Rússia e tem atraído crianças e adolescentes por meio da internet.

O jogo funciona da seguinte forma: “o curador” (pessoa que controla o jogo) envia diariamente, por 50 dias, um desafio, sempre às 4h20 da madrugada, para um grupo de pessoas, sob a pena de serem expostas na rede.

Os jogadores devem postar nas redes sociais uma prova de que completaram o desafio. O jogo termina no desafio de número 50, quando o participante tira a própria vida.

A chegada do tal jogo mortal ao Brasil já dá sinais há alguns dias. No YouTube, por exemplo, jovens com milhares de seguidores fazem vlogs (diários em vídeo) dizendo que aderiram ao jogo e incentivando seus fãs a fazerem o mesmo.

Um deles chega a dizer que tem “10% de chance de sobreviver” em uma das transmissões. Algumas chegam a ter quase 400 mil visualizações.

Morte em MT

O  jogo ganhou repercussão após uma garota de 16 anos se matar em Vila Rica (1.259 km de Cuiabá) no dia 11 de abril, supostamente instigada pelo jogo macabro, que lista 50 desafios, sendo o último obrigando a pessoa tirar a própria vida.

A garota de Vila Rica, foi dada como desaparecida ainda na madrugada de terça-feira (11), quando os pais não a encontraram em seu quarto.

A menina teria deixado uma carta se despedindo e contando que cometeria o suicídio por estar participando do jogo.

A mãe da jovem relatou que a filha teria apresentado cortes nos braços, há aproximadamente dois meses, que podem ter sido motivados pelas "tarefas" impostas aos membros do jogo.

O corpo da adolescente foi encontrado por volta das 14h dentro de uma lagoa. A Polícia Militar fez a retirada e o local acabou cercado por curiosos.

FONTE: Midia News

Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE