PUBLICIDADE Supermercado Vendão
PLANEJAMENTO

Prefeitura de Confresa Investe na Municipalização do Trânsito

A inspeção considerou o município apto à municipalização e o atestado de aptidão será encaminhado ao Denatran.

12/07/2018 16h54 145 acessos

Prefeitura de Confresa Investe na Municipalização do Trânsito

Reprodução

PUBLICIDADE Skynet

A Prefeitura de Confresa através da Secretaria de Planejamento está trabalhando no processo de municipalização do Trânsito, objetivando mais segurança para motoristas e pedestres.

Segundo o representante do Conselho Estadual de Trânsito, José Eudes, que esteve em Confresa reunido com o Prefeito Ronio e o Secretário de Planejamento  Ronclebes Condão, foi realizada uma inspeção do Conselho Estadual de Trânsito em Confresa que atestou a conformidade do município para realizar a integração ao sistema nacional de trânsito, tornando-o assim, municipalizado.

A inspeção objetivou principalmente atestar as condições estruturais, a composição das equipes técnicas da secretaria de planejamento e do departamento municipal de trânsito, entre outros. A inspeção considerou o município apto à municipalização e o atestado de aptidão será encaminhado ao Denatran – Departamento Nacional de Trânsito, para publicação da portaria.

A partir da publicação o município passa a ter maiores competências na gestão e fiscalização do trânsito municipal.

O Prefeito Ronio Condão disse que o maior objetivo da municipalização é salvar vidas, tornando o trânsito mais seguro e tranquilo no município. “Em um primeiro momento vamos trabalhar a educação no trânsito, pois, o trânsito é para todos e devemos conviver em harmonia. Àqueles que insistirem em não respeitar as leis, infelizmente, serão penalizados, enfatizou o prefeito Ronio Condão”.

O departamento municipal de trânsito é regido pela secretaria de planejamento e uma das primeiras medidas será em relação à sinalização e conscientização. “Nos primeiros quatro meses iremos realizar um trabalho de informação e conscientização para que a população saiba que haverá fiscalização e, ao fim deste período, quem desrespeitar as leis de trânsito poderá ser multado, este é um princípio básico para o convívio em sociedade, ressaltou o secretário de planejamento, Ronclebes Condão”.

FONTE: Confresa.org

PUBLICIDADE

Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE