PUBLICIDADE Supermercado Vendão
BRIDÃO BRASILEIRO

Produtores do assentamento Bridão Brasileiro pedem ‘socorro’ a deputado para a retomada da produção

Baiano reafirmou o compromisso de acompanhar a análise dos cadastros junto a SEMA.

11/04/2018 09h21 378 acessos

Produtores do assentamento Bridão Brasileiro pedem ‘socorro’ a deputado para a retomada da produção

Reprodução

PUBLICIDADE Skynet

As famílias que moram no P.A. Bridão Brasileiro, localizado entre os municípios de Confresa e Vila Rica, se reuniram neste final de semana com o deputado Estadual Baiano Filho para pedir celeridade nos processos de análise do CAR (Cadastro Ambiental Rural) junto a Secretaria de Estado de Meio Ambiente (SEMA). Segundo os produtores, o assentamento possui cerca de 480 famílias, destas, aproximadamente 90% sofreram embargos em suas áreas, devido aos danos ambientais causados a partir de 2008, quando da entrada em vigor do decreto Nº 6514/08 criado para conter o avanço de práticas predatórias.  
 
Há cerca de 20 dias, um grupo de produtores já havia se reunido com o deputado em Cuiabá para explicar as dificuldades enfrentadas pelas famílias proibidas de terem acesso aos créditos rurais. Com o embargo, as propriedades entraram para uma lista pública nacional, ficando impedidas de ter acesso a créditos e comercializar produtos cultivados nestas áreas.
 
Garantindo a análise dos CARs, os produtores receberão a Autorização Provisória de Funcionamento (APF), reavendo o direito sobre novos créditos e comércio dos produtos. A emissão das APFs, também condiciona os produtores à recuperação das áreas degradadas, sendo formalizado o Programa de Recuperação Ambiental (PRA) com as condicionantes para cada caso.
 
Baiano reafirmou o compromisso de acompanhar a análise dos cadastros junto a SEMA, e orientou aos  produtores que ainda não formalizaram o pedido do CAR, que façam a juntada da documentação e o pedido formal de análise.
 
INFRAESTRUTURA – Baiano aproveitou a visita ao “Bridão Brasileiro” para percorrer a estrada vicinal que liga os municípios de Confresa e Vila Rica. A estrada que corta o P.A. é o principal acesso das famílias à zona urbana, e caminho para o transporte escolar até os municípios. Com a presença dos prefeitos Ronio Condão de Confresa e Abimael Borges de Vila Rica, Baiano assumiu o compromisso com parte dos recursos para as obras de recuperação e cascalhamento da estrada, além das obras de aterro e encabeçamento da ponte sobre o Rio Preto. Com a ponte, os alunos de Vila Rica que hoje percorrem cerca de 50 km terão de enfrentar apenas 15 km até a escola mais próxima.
 
Baiano também aproveitou para anunciar a destinação de uma emenda no valor de R$ 290 mil para a reforma do Hospital Municipal de Confresa, e em contrapartida, definiu que a prefeitura assuma a construção do barracão comunitário em atendimento aos moradores da Bridão.

FONTE: Água Boa News

PUBLICIDADE

Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE