PUBLICIDADE Supermercado Vendão
INVESTIMENTO

Confresa contará com Núcleo Integrado do Corpo de Bombeiros em 2018

Os Núcleos Integrados são uma opção moderna e de baixo custo para a prestação de serviço à população.

Rafael Trindade

Acesse o Blog

16/11/2017 05h30 | Atualizada em 16/11/2017 18h26 1.035 acessos 1 comentario

Confresa contará com Núcleo Integrado do Corpo de Bombeiros em 2018

Ilustrativa

PUBLICIDADE Skynet

Os municípios da Região Nordeste de Mato Grosso enfim contarão com os serviços do Corpo de Bombeiros Militar a partir de 2018. Um Núcleo Integrado será instalado no município de Confresa no próximo ano para realizar os trabalhos preventivos e de socorro a emergências que competem aos bombeiros.

Os Núcleos Integrados são uma opção moderna e de baixo custo para a prestação de serviço à população já que são compostos por uma unidade do Corpo de Bombeiros Militar, Defesa Civil e prefeituras municipais. A informação foi confirmada a reportagem do site www.eldorado.fm pelo Diretor Operacional do CBMMT, Cel BM Vagner Santino. A unidade é resultado de convênio firmado ente o Governo do Estado de Mato Grosso e a Prefeitura de Confresa através do projeto Sistema Integrado de Atuação Comunitária na Atividade Bombeiro (Sacabom). A previsão de inauguração na região Norte Araguaia é para o primeiro semestre de 2018.

O Núcleo Integrado contará com tropa permanente. Por meio da parceria, servidores públicos municipais e voluntários poderão atuar como agentes comunitários de Defesa Civil e agentes voluntários de Defesa Civil e serão treinados pelos bombeiros militares.

A Prefeitura de Confresa já providenciou a locação de um imóvel para o funcionamento da unidade dos Bombeiros. O espaço foi alugado pelo valor mensal de R$ 4.000,00 (Quatro Mil Reais), resultando no valor global de R$ 48.000,00 (Quarenta e Oito Mil Reais), por um período de 12 meses. Serão realizadas algumas adequações no imóvel para a implantação do Núcleo Integrado.

A última unidade do Corpo de Bombeiros no estado fica em Nova Xavantina. De lá até Vila Rica, na divisa com o Pará, são em torno de 615 km sem a presença da corporação em dezenas de cidades.

1 COMENTÁRIO

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

  1. A palavra que define tudo é gestão politica não gestão publica. O gestor que se relaciona com diversas figuras politicas e não com apenas uma que "representa o araguaia" gradativamente tende a ter maior sucesso com certeza. Confresa enfrenta uma série crise econômica dentro da prefeitura mas em outra visão continua crescendo politicamente podendo até ser chamada por Sinop do Araguaia ou Polo do Araguaia.

Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE