Cidades

Sema realiza apreensão de maquinário usado para desmatamento ilegal em São Félix do Araguaia

As multas foram aplicadas pelo corte raso de floresta nativa sem autorização do órgão ambiental competente.

27/03/2022 09h35 | Atualizada em 27/03/2022 17h31

Fiscais da Diretoria de Unidade Desconcentrada (DUD) da Secretaria de Estado de Meio Ambiente de Confresa, em parceria com a Polícia Militar, apreenderam três máquinas sendo utilizadas em desmatamento ilegal no município de São Felix do Araguaia (1.030 km distante de Cuiabá) no dia 17 de março. Foram aplicadas multas em duas propriedades que somam R$ 123 mil.

Segundo o Diretor da DUD de Confresa, Edivaldo Soares Silva, foi emitido um alerta de satélite para a Sema apontando a atividade ilegal, o que possibilitou a ação rápida da fiscalização, que flagrou o desmate em andamento e impediu o avanço da devastação. Entre os maquinários apreendidos estão duas pás carregadeiras utilizadas para enleirar a vegetação suprimida e um trator esteira usado para o desmate. Os equipamentos foram removidos do local.

As multas foram aplicadas pelo corte raso de floresta nativa sem autorização do órgão ambiental competente. O Estado monitora todo o território por meio de imagens de satélites que mostram em tempo real as mudanças de vegetação, alertas de desmate ilegal, e de focos de calor.

Os infratores com áreas cadastradas na base de dados da Sema recebem alertas por e-mail imediatamente, informando da detecção do desmate para frear a ação. Caso o desmate continue, a Sema envia a fiscalização para o flagrante do crime, apreensão de maquinários, embargo da área, aplicação de multas e condução à delegacia dos responsáveis.

As denúncias relacionadas a crimes ambientais, podem ser feitas por diferentes canais de atendimento: telefone, e-mail, pelo aplicativo MT Cidadão e pessoalmente. Telefone: 0800 065 3838 - WhatsApp: (65)99321-9997 - E-mail: ouvidoria@sema.mt.gov.br ou no endereço da SEMA no Centro Político e Administrativo, Rua C, S/N, Cuiabá-MT.

FONTE: Redação de Jornalismo da Eldorado FM

PUBLICIDADE