CONTRATAÇÃO

Governo pode contratar mais de 40 mil servidores por meio de concurso em 2019

O número é o dobro de 2018 e tem o objetivo de preencher cargos vagos, ou para substituir terceirizados.

10/06/2019 08h35 | Atualizada em 10/06/2019 08h48 1 comentario

Governo pode contratar mais de 40 mil servidores por meio de concurso em 2019

Reprodução

De acordo com o projeto de lei orçamentária anual (PLOA) para este ano, o Governo pode contratar até 40.632 servidores para concursos público em 2019. O número é o dobro de 2018 e tem o objetivo de preencher cargos vagos, ou para substituir terceirizados. O projeto também prevê a criação de 2.095 novos cargos. Apesar de haver uma reserva orçamentária, ainda não existe previsão para a autorização de seleções.
 
As 2.095 vagas ofertadas serão para preencher o quadro de pessoal das universidades das regiões de Catalão (GO), Delta do Parnaíba (PI), Rondonópolis (MT), Jataí (GO) e Agreste de Pernambuco (PE), além da Agência Nacional de Águas (ANA). No último mês de dezembro, o Ministério do Planejamento informou que os concursos públicos para o poder executivo são restritos, devido ao ajuste fiscal. Os números apresentados são previsões de preenchimento de cargos e contratações em 2019.Entre as 40.632 vagas que podem ser preenchidas em 2019, 36.056 são para cargos civis, sendo 70% deles para o Ministério da Educação, 230 para substituição de terceirizados, 2.320 para o efetivo militar e 2.026 para policiais civis, militares e bombeiros do Distrito Federal. A grande demanda para o Ministério da Educação se deve ao fato de ter muita rotatividade de professores.
 
Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal (PRF), Agência Brasileira de Inteligência (Abin) e Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) são alguns dos concursos previstos para este ano e que podem aproveitar essas oportunidades. O número de provimentos é o mais alto desde 2014. Naquele ano, foram 59.571 provimentos autorizados. 2018 teve a metade do que é previsto para 2019: 20.298.
 
O poder legislativo e judiciário podem autorizar as contratações de forma independente. São 2046 vagas para provimento, sendo que a esmagadora maioria fica com o setor judiciário, com 1.916 vagas no total, enquanto o legislativo possui apenas 130 vagas. Para o Ministério Público da União e Conselho Nacional do Ministério Público, ainda estão previstas mais 12, e para a Defensoria Pública da União, 455 vagas. O poder judiciário ainda prevê a criação de 677 vagas, enquanto a Defensoria Pública da União possui uma estimativa de 1.582 novos postos.
 
Concursos no Mato Grosso do Sul
 
No estado do Mato Grosso do Sul, há previsão para os seguintes concursos: IFMS - Instituto Federal de Educação do Mato Grosso do Sul, Prefeitura de Bonito, Prefeitura de Brasilândia, Prefeitura de Eldorado, TCE/MS - Tribunal de Contas do Mato Grosso do Sul, UEMS - Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul, UFGD - Universidade Federal da Grande Dourados e outras. Para a região do Vale do Araguaia, estão divulgados: Câmara de Santa Rita do Araguaia e Prefeitura de Cáceres, por enquanto.

FONTE: Carolina Glogovchan /ARAGUAIA NOTÍCIA

1 COMENTÁRIO

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

  1. 먹튀검증 Hello, my name is먹튀검증 and I live in 안전놀이터. I read your article well.토토사이트 It was really impressive to me. 꽁머니It was an article that could inspire me with different nationalities. 안전놀이터Your writing skills are amazing.스포츠중계 Thank you once again and there are many good articles on my site, so please visit.꽁머니 Thank you. Have a nice day!

Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE