PUBLICIDADE Supermercado Vendão
EDUCAÇÃO

Trabalhadores da educação de Vila Rica param contra reforma e cortes

Em Vila Rica, os profissionais da rede municipal de educação não aderiram a paralisação nacional.

Eldorado.fm

Redação

16/05/2019 17h32 | Atualizada em 16/05/2019 17h44

Trabalhadores da educação de Vila Rica param contra reforma e cortes

Eldorado.fm

Trabalhadores da educação do município de Vila Rica paralisaram suas atividades na quarta-feira, 15 de maio, em apoio à greve nacional.

Um evento foi realizado no período da tarde na Câmara de Vereadores e contou com a presença de professores, estudantes, vereadores e populares.

Em entrevista a Rádio Eldorado FM, o professor Roberto Carlos, membro diretor da subsede de Vila Rica do Sindicato dos Trabalhadores no Ensino Público de Mato Grosso (Sintep/MT), a paralisação é em repúdio ao corte de 30% no orçamento discricionário de 2019 para todas as universidades e institutos federais, anunciado pelo Ministério da Educação (MEC) há alguns dias e a reforma da previdência.

A greve nacional da Educação em Mato Grosso, mobilizou mais de sete mil pessoas na Capital e milhares por todo o estado. Atos Públicos, passeatas, carreatas, debates, mobilizados pelo Sindicatos dos Trabalhadores no Ensino Público de Mato Grosso (Sintep/MT) parou as redes municipais e estadual de educação nas várias regiões do estado.

Em Vila Rica, os profissionais da rede municipal de educação não aderiram a paralisação nacional.

Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE