PUBLICIDADE Supermercado Vendão
NOTA DE ESCLARECIMENTO

Educação de Mato Grosso se posiciona contrária à carta do MEC

A Seduc não permitirá a gravação de vídeos com alunos no ambiente escolar ou permitirá leitura de cartas que pregam ideologia político-partidárias.

28/02/2019 08h50 | Atualizada em 28/02/2019 08h55

Educação de Mato Grosso se posiciona contrária à carta do MEC

Reprodução

PUBLICIDADE Skynet

Em relação à carta enviada pelo Ministério da Educação às escolas de todo o país, a Secretaria de Estado de Educação de Mato Grosso informa que não foi comunicada oficialmente.

No entanto, posiciona-se contrária a tal ação e informa que as escolas da rede estadual não vão adotar esse procedimento, por acreditar que ao invés de fazer pactos político-partidários, é importante que se faça pactos pela melhoria da qualidade do ensino e do aprendizado.

A Seduc acredita que tal ação deveria ser discutida com a comunidade escolar antes de ser adotada, pois a forma com que está sendo imposta vai contra os princípios da democracia e desrespeita a autonomia das escolas.

Em Mato Grosso, as escolas já trabalham, dentro do projeto político pedagógico, questões relacionadas à ética, cidadania e ao civismo, que inclui cantar o hino nacional como uma prática da rotina escolar, principalmente no início do ano letivo, durante a acolhida aos alunos, mas isso é feito de forma espontânea e sem imposição alguma.

A Seduc deixa claro que não permitirá a gravação de vídeos com alunos no ambiente escolar, tampouco a leitura de cartas que pregam ideologia político-partidárias.

FONTE: Rosane Brandão | Seduc MT

Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE