PUBLICIDADE Supermercado Vendão
SEDUC

Ano letivo deve começar sem chamar os aprovados em concurso da Educação

Os aprovados serão chamados gradativamente, conforme a demanda que for surgindo, em dois anos.

04/01/2018 12h00 336 acessos

PUBLICIDADE Skynet

O ano letivo na rede estadual de educação pode começar sem a contratação dos aprovados do concurso público realizado pela Seduc, mesmo após o término de todas as fases eliminatórias do certame. Os aprovados serão chamados gradativamente, conforme a demanda que for surgindo, mas atendendo o prazo do edital, que é de dois anos para serem chamados.

De acordo com a pasta, as aulas terão início em 15 de fevereiro, no entanto, ainda não há confirmação de quando o resultado final, com a lista de aprovados, será divulgado. A publicação, assim como todo o concurso, é de responsabilidade do Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC), contratado pelo Estado para a realização do processo que oferece 5.748 vagas para os cargos de professor, técnico administrativo educacional e apoio educacional.

Etapas

O concurso da Seduc faz parte do Pró-Escolas, que visa a melhoria da qualidade do ensino nas escolas estaduais. São 3.324 vagas para o cargo de professor da educação básica, 1.496 para apoio administrativo educacional (AAE) e 928 para técnico administrativo educacional (TAE), além de cadastro de reserva de 50% do total de vagas.

Além das quatro fases eliminatórias para o cargo de professor, o concurso teve nota de corte de 5,0 pontos nas três primeiras etapas. A primeira fase foi composta por uma prova objetiva de múltipla escolha, com 70 questões, e a segunda fase por uma redação e uma prova dissertativa com quatro questões, sendo três da disciplina específica à qual o candidato concorreu, e uma relativa às políticas públicas de educação.

Os classificados para a terceira fase passaram por uma avaliação didática com apresentação de uma aula, cujo conteúdo teve de ser pré-determinado, na área específica de atuação, com duração de 20 minutos para apresentação e 10 minutos para questionamentos da banca avaliadora. A quarta e última fase foi a de avaliação de títulos, também de caráter classificatório.

Já para os cargos de Técnico Administrativo Educacional (TAE) e Apoio Administrativo Educacional (AAE), o processo será diferente. Candidatos a TAE fizeram, na primeira fase, uma prova objetiva de múltipla escolha de caráter eliminatório, composta por 60 questões e, na segunda, redação e prova dissertativa também com quatro questões, sendo três da disciplina específica a que concorre a uma vaga, e uma relativa às políticas públicas de educação.

Os que concorreram a uma vaga para AAE passaram apenas por uma etapa: uma prova objetiva de múltipla escolha de 50 questões, de caráter classificatório e eliminatório.

Matrículas

A Seduc já divulgou as datas de matrículas para o ano letivo de 2018. Elas serão online e começam na próxima semana. Nos dias 08 e 09 para as duas creches; 11 e 12 para as escolas de Cuiabá e 16, 17 e 18 para as demais escolas do Estado. Nesta quarta (3) começa a inscrição para o seletivo dos alunos da Arena da Educação.

PUBLICIDADE

Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE