Curiosidades

Internet expõe cantor sertanejo que criticou Lei Rouanet e mostra que ele recebeu milhões de prefeituras

Diversas postagens expuseram que a dupla sertaneja teria recebido mais de R$ 2 milhões em shows realizados no interior do País.

17/05/2022 08h56 | Atualizada em 23/05/2022 14h34

PUBLICIDADE

A internet não reagiu bem às críticas do cantor Zé Neto, que faz dupla com Cristiano, contra a Lei Rouanet de incentivo à cultura durante um show na cidade de Sorriso (a 420 km de Cuiabá), na última sexta-feira (13).

Diversas postagens no Twitter expuseram que a dupla sertaneja teria recebido mais de R$ 2 milhões em shows realizados por cidades do interior do País. O dinheiro é lícito e tem fundamentos legais, ocorre que para os internautas o discurso de Zé Neto é “demagogo”.

“É errado receber dinheiro público pra fazer show? Não é. É lazer para a população. Mas, se vai lascar a regra contra a Rouanet, então abre mão dessa grana. Senão é demagogia”, disse um internauta.

Entre os de maiores valores estão o da cidadezinha mineira Extrema, por R$ 550 mil, a ser realizado no dia 8 outubro e a de Sorriso, por R$ 400 mil. Em discurso no show, o sertanejo alfinetou os artistas que fazem uso da lei e a cantora Anitta, que tem se posicionado diversas vezes contra o presidente Jair Bolsonaro (PL), cujo cantor é aliado.

"Nós somos a equipe que não depende de Lei Rouanet. Nosso cachê quem paga é o povo. A gente não precisa fazer tatuagem na parte intima para mostrar se a gente está bem ou mal. A gente simplesmente vem aqui e canta, e o Brasil inteiro canta com a gente", declarou.

FONTE: Redação de Jornalismo da Eldorado FM

PUBLICIDADE