Curiosidades

Édio Brunetta e Ernando Cardoso discutem a situação política e o setor agrícola da região Araguaia

As duas lideranças estiveram presentes em uma festa junina da região, e  aproveitaram para pontuarem diversas situações

28/06/2022 08h29 | Atualizada em 30/06/2022 10h19

O produtor rural Edio Brunetta, considerado uma das principais vozes do agronegócio de Mato Grosso, e também investidor  da região Araguaia, debateu no último sábado, dia 25 de junho, em Porto Alegre do Norte, com o empresário agroindustrial e também produtor rural, Ernando Cardoso, a atual situação  do setor agrícola de Mato Grosso e  a realidade política da região Araguaia de Mato Grosso.

As duas lideranças estiveram presentes em uma festa junina da região, e  aproveitaram para pontuarem diversas situações, Édio Brunetta é visto como referência no setor e voltou a citar a importância de representatividade política da região Araguaia, ele também defende a presença de líderes do setor agrícola na política, Brunetta citou a força econômica produzida pelo campo, e enalteceu também a força da agricultura familiar na região Araguaia.

“O campo é a grande força que move a economia nacional, e Mato Grosso é o maior produtor deste setor que tem mantido a economia aquecida, porém é preciso que o campo reforçe seu espaço na política” disse Brunetta, lembrando que todos os setores de produção rural *Desde os assentamentos, passando pela agricultura familiar tradicional até chegar aos grandes grupos de commodities, têm mantido o Brasil em pé”.

Édio e Ernando tem debatido a viabilidade de uma candidatura a deputado federal pela região Araguaia, na última semana, Ernando Cardoso esteve visitando diversos assentamentos e colônias de agricultura familiar da região do Araguaia, os assentamentos visitados pelo agroindustrial, estão localizados nas cidades de Campo Verde, Primavera do Leste, Canarana, Água Boa. Nova Xavantina, Pontal do Araguaia, Barra do Garças e Ribeirão Cascalheira. 

Durante suas visitas, Ernando lembrou que a região Araguaia é uma das regiões com maior número de agricultores familiares e assentados rurais do Brasil, ele tem reforçado a importância do setor, e também tem levantado diversas demandas e dificuldades do setor, sendo que a principal delas é a burocracia para que os pequenos produtores rurais tenham acesso a linhas de crédito.

Durante visita ao Assentamento Suiá, no município de Canarana, Cardoso que atua no ramo da agroindústria, declarou a pequenos produtores rurais que a dificuldade para se conseguir crédito atrapalha investimentos nas propriedades rurais, e isso causa êxodo rural, criando assim um paradigma social, e finalizou declarando que “É preciso quebrar a burocracia que trava o progresso e o desenvolvimento, e somente o Congresso Nacional tem este poder, portanto é preciso eleger pessoas que tenham compromisso com o setor.”

FONTE: Eldorado FM com Assessoria

PUBLICIDADE