Curiosidades

Professor de educação fisica do Norte Araguaia morre envenenado em aldeia da lha do Bananal

O professro era natural e morador de Porto Alegre do Norte e atualmente lecionava na aldeia localizada na Ilha do Bananal

24/06/2022 10h55 | Atualizada em 27/06/2022 12h33

O professor de Educação Física mato-grossense, José Gomes de Melo, de 58 anos, morreu na madrugada de quarta-feira (22) vítima de um suposto envenenamento na aldeia indígena Fortuna, em Tocantins (TO). A esposa e um amigo do casal, ambos indígenas, também passaram mal.

Natural e morador de Porto Alegre do Norte (MT), José era conhecido como “Tapera”, e atualmente lecionava na aldeia localizada na Ilha do Bananal (TO). Segundo o boletim de ocorrência, as vítimas foram envenenadas com o veneno conhecido como “chumbinho”, no último sábado (18). José, a esposa e o amigo começaram a passar mal depois de comer uma tapioca. Conforme apurou a reportagem, o quadro de José era grave e ele precisava ser internado em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Os hospitais da região, no entanto, estavam com os leitos lotados. José então foi transferido para a unidade mais próxima com leitos de UTI disponíveis, o Hospital e Maternidade Santa Ângela, em Tangará da Serra.A esposa e o amigo, como apresentavam um quadro menos severo, foram atendidos em Porto Alegre do Norte, e já receberam alta. Segundo a Polícia Civil, José entrou em coma e não resistiu.

FONTE: Eldorado FM com G1

PUBLICIDADE