Cidades

Gaspar emite nota rebatendo noticia de site e suspeita de

Filiado ao PSD ele foi candidato a deputado federal em 2018, mas não conseguiu se eleger mesmo somando mais de 40 mil votos.

21/06/2022 08h17 | Atualizada em 24/06/2022 10h19

PUBLICIDADE

O ex-prefeito por 03 vezes de Confresa, Gaspar Lazari emitiu uma nota a imprensa na tarde desta segunda feira, dia 20 de junho expondo sua versão sobre uma noticia veiculada em um site da região e com origem em outro site de Cuiabá, onde a mesma relata que  a Segunda Câmara de Direito Público e Coletivo do Tribunal de Justiça (TJMT) manteve a rejeição as contas de Gaspar referentes ao exercício de 2016, frente a prefeitura de Confresa.

Em conversa com nossa reportagem,  Gaspar disse que o material divulgado tem mais a ver com sua confirmação como pré candidato a deputado estadual do que com o fato, e que suspeita de fogo amigo na divulgação da matéria, uma vez que sua pré candidatura "deve atrapalhar outras candidaturas na região". No ultimo dia 18 de junho o RDNews, um dos principais sites de politica de Mato Grosso publicou um material dizendo que a saida de Gaspar complica diretamente o projeto de retorno a ALMT do ex-deputado Baiano Filho, atualmente tambem morador de Confresa. (Veja aqui Gaspar à AL complica pra Baiano )

Filiado ao PSD ele foi candidato a deputado federal em 2018, mas não conseguiu se eleger mesmo somando mais de 40 mil votos. Gaspar governou Confresa, que fica a 1.200 quilômetros de Cuiabá por três vezes e elegeu seu sucessor, o atual prefeito Ronio Condão. Sua pré candidatura segundo analistas tem chances reais porém implode bases de varios politicos tradicionais. Veja abaixo a nota.

"A Defesa de Gaspar Domingos Lazari vêm a publico manifestar sobre a reportagem publicada pelo portal www.folhamax.com.br de 20/06/2022. Primeiramente, manifestar que todas as medidas judiciais estão sendo adotadas para restabelecer a verdade e provar a inocência do Gaspar.  A Defesa está confiante na justiça e na certeza do esclarecimento dos fatos em favor de Gaspar Domingos Lazari, o qual terá seus direitos políticos restabelecidos a bem do povo do Mato Grosso.Goiânia, 20 de junho de 2022."


Asssinado eletronico por
Guilherme Augusto Mota Alves
OAB/GO nº 61.098

FONTE: Eldorado FM com Evandro Carlos

PUBLICIDADE